Skip to Store Area:

AmazonProdutos.com

Inscrever-se no RSS

Dicas de Saúde

Veja Algumas dicas de saúde sobre produtos naturais.

 

Medicina Alternativa/Fitoterapia

Tratamento do ácido úrico com chá

 


1. Casca de jatobá;
2. Casca de uixi amarelo;
3. Cipó tuíra;
4. Raiz do açaí;
5. Unha de gato;


PREPARO:
Juntar 10 gramas de cada em 2,5 de água.
Ferver até reduzir para 2 litros.
Deixar esfriar e colocar na geladeira.
Tomar um copo (300ml) por dia.


IMPORTANTE

  •  Procure o seu médico para diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios. 
  • As informações disponíveis no site da Dra. Shirley de Campos possuem apenas caráter educativo.
Publicado por: Dra. Shirley de Campos

 

 

 

Gorduras também combatem a obesidade

Com a correria do dia-a-dia e a má alimentação que muitas pessoas já se acostumaram a fazer, a obesidade fica cada vez mais próxima de nossa realidade. Já sabemos que por ter mais chances de desenvolver problemas como diabetes, hipertensão, doenças cardiovasculares, a pessoa obesa corre mais riscos do que uma pessoa saudável em qualquer ambiente que esteja. Entretanto, nos dia de hoje, em que o stress afeta uma grande parte da população, na pessoa obesa os efeitos podem ser ainda maiores.

Além disso, o seu rendimento pode ser menor devido a falta de energia causada por carência de nutrientes (sim, a pessoa obesa tem carência de nutrientes, ela é uma doença paradoxa, pois tem excesso de alimentos e carência de nutrientes).

Embora a maioria das pessoas acredite que para conseguir combater a obesidade ou até mesmo perder alguns quilos o correto é eliminar totalmente a gordura da alimentação, isso não é verdade. Alguns tipos de gordura como, os ácidos graxos ômega-3 e ômega-6, são essenciais para a nossa saúde e ainda estimulam vários processos diferentes na luta contra a obesidade.

Esses ácidos colaboram na queima de gorduras ingeridas, melhoram o controle do nível de açúcar no organismo e a capacidade de transportar a glicose do sangue para as células e influenciam importantes alterações genéticas anti-obesidade, entre outras benfeitorias.

Os ácidos graxos ômega-3 e ômega-6 podem ser encontrados em nozes, sementes de linhaça e abóbora, peixes gordurosos como o salmão, mariscos, algas marinhas e em verduras de folhas verdes.

Assim como todos os alimentos, esses ácidos também devem ser ingeridos com moderação, pois, se consumidos em excesso (ômega 6) podem fazer mal e rebaixar o nível de HDL (colesterol bom) e o retardar a coagulação sanguínea.

 

Por Daniela Jobst às 07h00

 

*** Manjericão (Alfavaca) ***

Planta medicinal indicada para ardor ao urinar, digestão, febres, tosse, etc

 Outros nomes: Alfavaca-da-américa, remédio-de-vaqueiro, manjericão-de-folha-larga.

 Descrição: Planta herbácea, muito cheirosa. Inflorescência em espigas.

Uso Medicinal:

As folhas são aromáticas, estimulantes, carminativas, antieméticas, sudoríficas e diuréticas. Aplicam-se nos seguintes casos: ardor ao urinar, debilidade dos nervos, digestão dificultosa, enfermidades dos intestinos, estômago e rins, febres, tosse, ventosidades. Empregam-se 10 a 15 gramas, por infusão.

Externamente, usa-se para gargarejos em casos de dor de garganta, angina, aftas, etc.

As folhas amassadas são boas para curar feridas.

Com o chá das folhas, ou com o chá das sementes em maceração, preparam-se compressas que as mães lactentes aplicam sobre os bicos dos seios afetados.

Com a raiz prepara-se um xarope para combater a tuberculose pulmonar.

Parte usada: Folhas e sementes.

Dose: 10 a 15 gramas para 1 litro de água; 4 a 5 xícaras por dia.

 

 *****   Plantas contra insetos  *****

Texto extraido do site:  www.guiadamulher.com.br

Com a chegada das chuvas e das altas temperaturas, a proliferação de mosquitos e pernilongos tende a aumentar. Por isso é preciso ficar atento para diminuir o risco de doenças e alergias.

O uso de repelentes e inseticidas ainda é a solução mais eficaz para afugentar os insetos que tanto incomodam nesta época do ano. Porém existem pessoas que também são alérgicas aos produtos que combatem as pragas e isso acaba acarretando outro grande problema. Um recurso que tem mostrado resultado são os repelentes naturais, elaborados a partir de plantas.

Os produtos que contém a citronela e andiroba em sua composição são os mais utilizados, mas outras plantas podem ser usadas na hora de elaborar o repelente. Arruda, hortelã, pimenta, cravo de defunto, calêndula e crisântemo também são muito usados neste tipo de preparo. A venda de aromatizadores, repelentes, velas e desinfetantes à base de citronela cresceram quase 250% nos três primeiros meses do ano, em relação ao mesmo período do ano passado. No entanto, os consumidores devem ficar atentos, pois os repelentes e velas naturais não devem conter produtos químicos perfumados ou coloridos para não poluir o ambiente ou provocar intoxicação.

Receitas para repelentes naturais:

Fórmula sugestão:
Composição Química:
Óleo de citronela.................2%
Oleo andiroba ..............................2%
Loção base..........................100 mL

Odor: característico da planta em que é extraído o óleo Cymbopogon sp
Concentração: pode ser utilizado até 5% do óleo de citronela.
Toxicidade: extremamente baixa.

Ação e vantagens:
* Evita de forma eficaz, que os mosquitos pousem sobre a pele;
* Sua ação se mantém por várias horas;
* É inofensivo toxicologicamente, apresenta boa tolerância na pele e nas mucosas, e não provoca alergias nem sensibilizações;
* Possui cheiro agradável.

 ***    Farinha de linhaça ajuda a queimar a gordura?

Conheça todos os benefícios da linhaça que fará você secar até 3 kg em apenas uma semana!

   por Belissa Rotondi

Matéria extraida do site: http://mdemulher.abril.com.br/dieta/reportagem/dietas/farinha-linhaca-ajuda-queimar-gordura-534692.shtml 

*****  Quitosana, a pílula mágica que absorve gordura!!!!

A quitosana é um suplemento alimentar que faz perder até 5 quilos em 1 mês

Por Tyciane Vaz

Perder peso com quitosana 

Quando alguém diz que é possível perder peso sem fazer esforço, logo vêm à mente aquelas propagandas de TV exibindo cintas apertadas ou aparelhos milagrosos. Mas há outras opções. Você pode eliminar as gorduras extras do seu corpo com um alimento natural.

Essa novidade se chama quitosana, uma fibra extraída da casquinha de animais do mar, como camarão e lagosta. Esse poderoso complemento alimentar deve ser ingerido de 15 minutos a meia hora antes das refeições. Seguida essa recomendação, ele elimina aqueles quilinhos a mais que iriam virar pneuzinhos e saltar da sua calça.

Não à toa, a quitosana é conhecida como "esponja de gordura" - justamente porque absorve esses excessos indesejáveis.

Gel no estômago

"Dentro do estômago, a substância se transforma em um gel com capacidade de absorver gorduras. Depois, essas gorduras são eliminadas nas fezes", explica Heloisa Rocha, médica ortomolecular e autora do livro Emagreça com a Dieta das Estrelas (ed. Abril).
Sozinha, a quitosana é capaz de fazer uma pessoa perder até 250 calorias por dia. Basta tomá-la com bastante água e combiná-la à sua dieta preferida e um pouco de exercício físico.

 ****** Como Tratar a Micose nas Unhas ******

Para se obter sucesso no tratamento, a unha doente deve ser totalmente substituída por uma saudável, livre do fungo. O tratamento geralmente é demorado e requer paciência. Como o crescimento da unha se faz de forma lenta, este processo demanda tempo. Uma unha normal e sadia crescem cerca de dois milímetros por mês. Para que sua unha doente possa recuperar-se integralmente, é preciso usar um antifúngico para unhas com freqüência. Para o tratamento, existem comprimidos e esmaltes antimicóticos. Se preferir uma opção experimente a Solução antimicótica e antifungos - um potente antifúngico e bactericida . O alto poder germicida no combate a micose da unha. Consulte sempre seu médico antes de aplicar qualquer substância ou iniciar qualquer tratamento.

 Como tratar a unha afetada:

Especialistas recomendam cortar as unhas o mais rente possível.
Com uma lixa grossa, lixar a unha até atingir a parte boa e sadia.
Não retirar o material esbranquiçado debaixo da unha afetada.
Aplique um pouco de antifúngico sobre a unha doente, duas vezes por dia.